Prefeitura de Cajazeiras-PB diz que Márcia Fellipe quebrou contrato e quer cachê de volta


A Prefeitura de Cajazeiras-PB, acusa a produção da cantora Márcia Fellipe por uma possível quebra de contrato. Segundo o gestor José Aldemir (PP), a forrozeira foi contratada para realizar 1h40 de show, mas a apresentação durou apenas uma hora.

O prefeito informou que o cachê foi de R$ 138 mil, pago 50% antecipado. No contrato que a prefeitura alega ter firmado, Márcia Felippe deveria estar no local meia noite, porém foi feito outro contrato arbitrário com horário diferente, é o que acusa José Aldemir. O próximo passo do prefeito é se reunir com assessoria jurídica do município e com a Procuradoria para analisar quais as providências que deverão ser tomadas.



Sugestão de pautas Curta Nossa Fanpage